Reserve
Ponto Turístico: Igreja e Convento de São Francisco (Salvador)
Igreja-convento-São-Francisco

Ponto Turístico: Igreja e Convento de São Francisco (Salvador)

Todo esculpido em ouro do teto ao chão, o interior da Igreja e Convento de São Francisco, localizado no Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, é o principal representante do estilo Barroco na Bahia. Admirada por sua grandeza e exuberante beleza, a igreja e o convento foram construídos com a doação do governo português e de seus fiéis durante os séculos XVII e XVIII.

Na fachada simples da igreja encontram-se a imagem de São Francisco, e onde se pode ver ainda o brasão com as armas de Portugal. Construída em pedra, a fachada também é composta por duas torres de igual simplicidade, mas que contrastam com a riqueza em detalhes dourados do seu interior.

Ao entrar na igreja, o visitante irá se deparar com diversas obras talhadas em ouro que vão do teto, com passagens bíblicas de vida de Cristo e da Virgem Maria, aos altares e capelas laterais, dedicados a Nossa Senhora da Glória, Santa Ana, Imaculada Conceição, dentre outros santos como Santo Antônio, São Benedito.

Pedras em mármores e azulejos portugueses, juntamente com jacarandá, contribuem para que a construção da Igreja e Convento de São Francisco, em Salvador, seja considerada uma das mais lindas do Brasil.

Dentre as principais obras-primas que também podem ser admiradas pelo visitante, estão os painéis em azulejos, especialmente encomendados de Portugal, alguns deles datados do ano de 1737 e localizados no interior da igreja, nos quais contam a história de São Francisco.

Outro grande conjunto de azulejos composto por 37 painéis com dois metros de altura cada, que podem ser apreciados na galeria coberta do convento, situado ao lado da igreja, está retratado a pintura do holandês Otto Van Veen publicada em 1608 com apelo moral e cristão e baseada no livro Teatro Moral da Vida Humana e de toda a Filosofia dos Antigos e Modernos.

O Centro Histórico de Salvador foi tombado em 1985 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, sendo a Igreja e Convento de São Francisco, considerada uma das 7 maravilhas de origem portuguesa no mundo.

A Simplicidade do Convento de São Francisco

Apesar da riqueza exuberante presente nas áreas comuns da igreja, que vão desde o teto, passando pelas paredes com seus altares, púlpitos, anjos e pássaros, e o mármore português no chão, o Convento de São Francisco, que ainda encontra-se em uso, mostra o modo de vida baseado na renúncia aos bens materiais feito por São Francisco de Assis.

Dica para os Visitantes

A riqueza nos detalhes, que representam diversas passagens bíblicas do Antigo Testamento, desenhados no teto da igreja e em seus azulejos, seus altares talhados em ouro, são o principal convite para visitar a Igreja e Convento de São Francisco, onde o visitante pode assistir às missas que acontecem diariamente, mas que não são permitidas a circulação nas dependências da igreja e convento, ou realizar o passeio acompanhado ou não do guia, onde será possível conhecer toda a história de construção da igreja e do convento.

Ao visitante é permitido tirar fotos sem flash do interior da igreja. Há taxa para visitação, então, antes de visitar, verifique as regras do local e o valor da taxa.

 

 

LEIA OUTRAS DICAS DE SALVADOR